terça-feira, 23 de novembro de 2010

Pincelada Matinal

"Deixei tudo na casa: os móveis, as louças o relógio de parede, até os lençóis de cambraia. Só não deixei a memória do tempo em quem morei lá"
(Arminto Cordovil. personagem narrador do livro Órfãos do Eldorado, de Milton Hatoum)

Nenhum comentário: