sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

A casa da Ausência


No reino da solidão pernoito.
Passo pelo seu escritório e
a maquiagem não convence:
está você, grita você .
Passo pelo quarto dos meninos e lá estão eles,
minha familia querida perdida nas confusõe do amor.
Passo pela cama nossa,
você não está,
vou dormir,
mas eu também não estou.
Elisa Lucinda ( Livro: A Fúria da Beleza/ 2006)

Nenhum comentário: