quinta-feira, 5 de abril de 2012

Televisão liga sozinha


Depoimento da Relações publica Elaine Alves, que conta que num dia em que seu irmão chegou em casa, falando alto e nervoso, sua televisão ligou sozinha e com o volume mto alto.


quarta-feira, 4 de abril de 2012

Fantasma da Lavanderia


Esse é um relato da produtora Fernanda Aureliano, que ficou de castigo, na lavanderia quando criança, depois aprontar travessuras



http://www.youtube.com/watch?v=k9lOj1Xh9j4&feature=youtu.be

terça-feira, 3 de abril de 2012

Voto de Castidade do Movimento Dogma 95

Achei o máximo isso, que achei no livro: O Cinema e a Produção de Chris Rodrigues ed. Lamparina

Eu juro me submeter às seguintes regras ditadas e confirmadas pelo Dogma 95:
1) As filmagens devem necessariamente ocorrer em locações. Cenários artificiais e objetos de cena não devem ser criados. Se um objeto de cena for necessário para a história, a locação deve ser escolhida onde os objetos de cena se encontram.
2) Os sons nunca podem ser recriados, utilizando-se sempre aqueles que fazem parte da imagem captada (não utilizar nehuma musica além daquela que ocorra onde a cena está sendo filmada).
3) A câmera deve estar sempre na mão. É permitidas a cena estática obtida com câmera na mão (as filmagens não devem acontecer onde a câmera está posicionada, mas sim a câmera deve ir aonde a cena está acontecendo).
4) O filme de ver em cores. Não utilizar luz artificial. Em caso de pouca luz para exposição da imagem no negativo, a cena deve ser cortada ou apenas uma pequena lâmpada pode ser acoplada à câmera.
5) É proibido o uso de efeito ótico e filtros.
6) O Filme não pode conter ações superficiais (assassinatos, armas etc.).
7) Não podem existir ações temporárias e geográficas (em outras palavras, o filme acontece aqui e agora).
8) Não se permite filme rotulado por tipo.
9) O formato da janela do filme deve ser 35mm Academy.
10) Não é permitido crédito ao diretor.
Além disso, como diretor, juro evitar o uso do meu gosto pessoal! Não mais sou um artista. Juro evitar criar um filme pessoal, já que acredito que o momento é mais importante que o geral. Meu objetivo final é extrair a verdade dos meus personagens e dos ambientes. Juro assim proceder acima de tudo, mesmo ao custo do bom gosto e de considerações estéticas.

Faço deste o meu voto de castidade.
Lars von Trier
Thomas Vinterberg

É interessante e pouco funcional na minha humilde opinião.

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Assombração

Eu estava na cozinha preparando um café, quando escuto a porta da sala bater, como se um golpe de ar muito forte passasse por ela, dai eu escuto uma voz de uma mulher falar meu nome, e eu respondo quem é, to aqui na cozinha entra ai, esperei, e ninguém apareceu, chamei mais uma vez e fui ver quem era, não encontrei ninguém só meu cachorro latindo pra porta, senti um arrepio tranquei a porta e fui correndo pra cozinha.